Warning: ob_start(): non-static method wpGoogleAnalytics::get_links() should not be called statically in /home/viapereg/viaperegrina.com.br/home/home/wp-content/plugins/wp-google-analytics/wp-google-analytics.php on line 259
eficiência | Via Peregrina

Entries tagged with “eficiência”.


Uma troca de emails sobre minha outra face da minha vida – a atividade acadêmica, onde atuo como professor – e veio a inspiração para este texto. A questão era sobre uma eventual injustiça, ou, pelo menos, sobre um tratamento diferenciado (prejudicial, na visão do estudante) na avaliação da prova. O aluno, como a maioria de nós, procurava isentar-se de sua responsabilidade, atribuindo a mim um rigor exagerado na correção de seu teste.

Quando lhe perguntam qual é o sabor de uma maçã, não adianta descrever como é um abacaxi, qual sua textura, sabor, etc etc etc. Você tem que falar algo sobre maçãs.

Sobre abacaxis, você pode fazer um tratado sobre o pomar, estações do ano, como são distribuídos e até mesmo vendidos na feira, preparados e consumidos em casa. Será inútil.

E na sua vida, você tem visto maçãs como abacaxis? Suas respostas atendem o que a vida lhe pergunta?

Muitas vezes vemos o problema de nossas vidas no retorno que os outros nos trazem. Tudo o que queremos para nós provavelmente está sob nosso controle e ainda não temos consciência disso tudo.

Outro dia, pensava sobre uma oportunidade que perdi por causa de um atraso. “Não fosse aquele farol vermelho, aquele carro que não avançou o sinal e me prendeu por 5 minutos no cruzamento congestionado… eu não perderia o prazo por apenas 2 minutinhos”.

Na verdade, resignei-me. Não resmunguei. Lamentei. É fato. Mas somente pelo motivo de que aqueles dois minutinhos foram frutos de vários atrasos durante o dia. Foram decisões de privilegiar um momento em detrimento de outro. Atrasei-me. Mas não foi o fato isolado do carro da frente, no semáforo fechado. Foi cada um dos momentos desde a hora em que acordei, até chegar naquele instante.

De certa forma, se ganhamos ou perdemos, foi porque assim decidimos.

Você já se sentiu em uma das duas situações acima? O que sua voz interior lhe diz? Pense nisso. Até o próximo post!

Rodolfo Nakamura

  • Share/Bookmark

A todo tempo somos bombardeados pela imagem de que precisamos ser eficientes. Tudo no mundo está rápido demais e, uma vacilação qualquer e tudo estará perdido.

Primeiro, pode até ser que o mundo esteja girando mais rápido, fazendo com que a nossa percepção do tempo tenha mudado. Mas, francamente, acredito que, se mudou, seria insuficiente para que percebêssemos algo. O que realmente aconteceu foi o aumento de tarefas que tivemos, inclusive pela cobrança pela eficiência.

Estava, neste fim de semana, em uma corriqueira compra de móveis. Eu e minha mulher passamos por várias lojas, buscando as informações. No final do primeiro dia, estávamos exaustos, mas com uma ou duas ótimas opções. Uma delas, prestes a fechar.

A lei da eficiência diria para que fechássemos o negócio rapidamente. Bom, sinceramente, se tivesse fechado na primeira loja, com o tempo certamente eu me arrependeria. Então, analisando, ignorando a lei da eficiência, encontrei melhores produtos.

No dia seguinte, fomos até outro centro de compras. Encontramos artigos bem mais caros e uma opção que concorria diretamente com a melhor opção do dia anterior. Então, paramos, pensamos e percebemos que, comparando, havia uma escolha melhor e foi essa que fizemos – era a proposta do primeiro dia.

Nesta hora, poderíamos questionar: então perdemos tempo procurando por novas opções no dia seguinte? Pois vou lhes contar que, absolutamente, não. Fizemos uma tarefa eficaz. Em outras palavras, tomamos a tarefa correta. Afinal, enquanto entregávamos nosso dinheiro pela mercadoria, estava fortalecido em nosso sentimento a certeza de que fizemos o melhor negócio possível.

Essa confiança faz toda a diferença, principalmente na satisfação e contentamento pelo negócio realizado. Portanto, na próxima vez, respire, dê um passo para trás e pense um pouco mais. Procure outras opções. Pode ser que encontre melhores negócios. Mas, se ocorrer o contrário, as opções eram menos interessantes, então estas últimas sinalizarão que sua escolha final é a melhor do momento.

Assim, pode ocorrer em várias outras tarefas do seu dia. Ser eficiente pode nos levar a realizar tudo rapidamente. Mas ser eficaz nos traz a satisfação e senso de realização. Pense nisso! Até a próxima semana!

Rodolfo Nakamura

  • Share/Bookmark